domingo, 28 de dezembro de 2014

E foi assim que foi...

30 dias longe de você...
Confesso que entre tantos sustos, o do dia 28/11 foi o maior!
Não contava, não esperava, mas sentia....

Sentia que de repente, algo te incomodava, perturbava e você não se abria...

Te perdôo porque sei que isso não veio "do nada", sozinho.

Te perdôo porque vi seu esforço o tempo todo para "não pirar".

Te perdôo porque sei que me ama e sofre tanto ou mais que eu.

O que será de nós? ainda existe nós?

Que venham mais respostas...

Uma coisa é certa! Da minha parte: "...não menos que amanhã"!


Eu ainda acho...








Um dia na praia a gente jurou Ficar junto pra sempre
Depois tudo mudou
Eram portas abertas que depois se fecharam
O tempo passou e as coisas mudaram
Separaram a gente
As circunstâncias e as coisas
(As circunstâncias e as coisas)
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Ruas desertas, conflitos internos
Vivendo um sonho que não é só meu
Saudade de casa
Que grande ironia
Meu tempo agora não é mais só meu
E você não entende
A ação do tempo e as coisas
As circunstâncias e as coisas
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
A liberdade é essencial pra mim
Felicidade é essencial pra mim
Se quem eu amo tem amor por mim
Eu sei que ainda estamos longe do fim
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra

sábado, 27 de dezembro de 2014

Resposta ao tempo...


Vou te falar!
Eu gosto desses "Caymmi..."

♪...E o tempo se rói
Com inveja de mim
Me vigia querendo aprender
Como eu morro de amor
Pra tentar reviver...♪





Amém!





quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Ainda sobre nós...


Sei que nada foi em vão...



segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Sempre vai estar....♥

Por isso não posso tocar o toque do meu celular do seu nome...
Porque, de uma certa forma, é a verdade!




Eu não vou pro inferno
Eu não iria tão longe por você
Mas vai ser impossível não lembrar
Vou estar em tudo em que você vê
Nos seus livros, nos seus discos
Vou entrar na sua roupa
E onde você menos esperar
Eu vou estar

Eu não vou pro céu também
Eu não sou tão bom assim
E mesmo quando encontrar alguém
Você ainda vai ver, a mim
Nos seus livros, nos seus discos
Vou entrar na sua roupa
E onde você menos esperar

Embaixo da cama
Nos carros passando
No verde da grama
Na chuva chegando
eu vou voltar
Nos seus livros, nos seus discos
Vou entrar na sua roupa
E onde você menos esperar
Eu vou estar


Que Deus me ajude a entender a dos outros e me guie nas minhas!


domingo, 21 de dezembro de 2014

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

As vezes nem eu acredito...

Não acredito de onde vem tanta força, tanta luz, tanta misericórdia.
Só tenho a agradecer a Deus e meus guias espirituais por me permitirem estar reagindo.
Agradecer a você por não ter mentido! Obrigada por ter me ouvido, ter me permitido falar, desopilar, tirar da minha mente um "não sentimento" que me doeria mais que tudo!
Aceitar viver longe de você é ruim, péssimo, mas quem sabe até superável?!
Agora, aceitar sequer a possibilidade de nada daquilo ter sido real... aí seria a morte...

Obrigada meu Deus por eu ser tão forte!

E, se como eu acho, tiver a missão de cuidar dele até o fim, que nenhuma verdade nos seja ocultada!

Que assim seja!

Boa semana a todos!


domingo, 14 de dezembro de 2014

Bom dia! boa semana... Fica esse ensinamento...

Talvez por isso meu quebra-cabeça ainda não esteja pronto.
E nem eu esteja com pressa... quero ler "todas as estações"....




As estações 

Um homem tinha quatro filhos. Ele queria que seus filhos aprendessem a não julgar as coisas de modo apressado, por isso, ele mandou cada um viajar para observar uma pereira que estava plantada em um distante local.

O primeiro filho foi lá no Inverno, o segundo na Primavera, o terceiro no Verão e o quarto e mais jovem, no Outono.

Quando todos eles retornaram, ele os reuniu e pediu que cada um descrevesse o que tinham visto.

O primeiro filho disse que a árvore era feia, torta e retorcida.

O segundo filho disse que ela era recoberta de botões verdes e cheia de promessas.

O terceiro filho discordou. Disse que ela estava coberta de flores, que tinham um cheiro tão doce e eram tão bonitas, que ele arriscaria dizer que eram a coisa mais graciosa que ele tinha visto.

O último filho discordou de todos eles; ele disse que a árvore estava carregada e arqueada, cheia de frutas, vida e promessas…

O homem, então, explicou a seus filhos que todos eles estavam certos, porque eles haviam visto apenas uma estação da vida da árvore…

Ele falou que não se pode julgar uma árvore, ou uma pessoa, por apenas uma estação, e que a essência de quem eles são e o prazer, a alegria e o amor que vêm daquela vida, podem apenas ser medidos ao final, quando todas as estações estiverem completas.

Se você desistir quando for Inverno, você perderá a promessa da Primavera, a beleza do Verão, a expectativa do Outono.

Não permita que a dor de uma estação destrua a alegria de todas as outras. Não julgue a vida apenas por uma estação difícil.

Autor desconhecido

Ainda sobre o dia 13.12.2013...


sábado, 13 de dezembro de 2014

Muito triste...

Faltando 20 minutos para o dia acabar e chegar a conclusão óbvia para muitos mas que eu até então me recuso a acreditar por ser cruel demais, pequena demais, medíocre demais...
Como pôde? para que? por que? meu Deus... e a fé? quem em sã consciência brinca tanto assim com a espiritualidade?
Dizer que estou bege é pouco! aguardando ainda para a montagem final do quebra-cabeça!
Que Oxalá me guie e Xangô continue agindo com sua machadinha da Justiça!
Porque, quando se é real, não se teme o mal! ;)

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Quebra-cabeça

E, aos poucos as peças vão se juntando...
As verdades vão aparecendo, novidades se revelando...
E EU MONTANDO AS PEÇAS!

Pela fé que tenho, pelo que acredito, por toda proteção que agradeço ter tido até aqui, me ajude Senhor!
ME AJUDE A MONTAS AS PEÇAS!

Que seja feita sua vontade hoje e sempre. Que nenhuma mentira fique oculta.
Que o que for para ser visto, seja mostrado!
E EU NA MONTAGEM DO QUEBRA-CABEÇA!

Que eu tenha força suficiente para ver o que é preciso e mostrar o que é necessário!
Me permita discernimento, força, perseverança, mas acima de tudo bondade e amor!

Que assim seja.
TÁ CHEGANDO A HORA DAS PEÇAS VIVAREM UM "QUADRO"....
QUE TODA FÉ E PROTEÇÃO QUE EU VI EM SEUS OLHOS TE AJUDEM A ME DAR AS PEÇAS RESTANTES... ♥

Por favor!


Boa sexta-feira a todos!

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Não é "praga". É fato! ;)...♪



♪...Você pode encontrar muitos amores
Mas ninguém vai te dar o que eu te dei
Podem até te dar algum prazer
Mas posso até jurar, você vai ver
Que ninguém vai te amar como eu te amei
Você pode provar milhões de beijos
Mas sei que você vai lembrar de mim
Pois sempre que um outro te tocar
Na hora você pode se entregar
Mas não vai me esquecer nem mesmo assim...♪


segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

E um ano se passou desde aquele dia...



Aquele dia em que eu aceitei um convite para um "chop";
O dia em que eu aceitei falar de um passado recente que nos machucava;
O dia em que eu resolvi nos dar uma chance;
O dia em que eu, mais uma vez, acreditei em você. No nosso amor...
De tudo ficou o resumo: Eu tentei! Fiz a miha parte! 


quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Ainda sobre Quintana...

Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras,
alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho...
Que me veja como um ser humano completo,
que abusa demais dos bons sentimentos que a vida lhe proporciona,
que dê valor ao que realmente importa, que é meu sentimento...
e não brinque com ele.
E que esse alguém me peça para que eu nunca mude,
para que eu nunca cresça, para que eu seja sempre eu mesmo.
Mario Quintana

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Respostas


É muito triste... Ainda mal posso acreditar que tudo está seguindo assim.
Mas, como mulher de fé que sou, vou deixar o tempo seguir e me trazer as respostas que preciso para ir em frente. Vou deixar Deus me mostrar o que for para ser visto.
Querendo ou não, sendo as respostas que eu quero ou não, elas vão começar a chegar.
Que eu esteja preparada para elas...

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Eu também! :)

Bom dia dia!
Bom dia vida!
Boa semana para todos nós!!!!!!!!!!!!


Ainda sobre Capital e suas "porradas musicais"...



Melhor do Que Ontem

Capital Inicial

Eu ainda sinto o gosto
Da noite passada
Que parecia não ter fim
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Com o sol no meu rosto, eu vejo você
De longe olhando pra mim
Espero que hoje, seja melhor do que ontem
Espero que hoje, seja melhor do que ontem
Eu levanto e vou
Quando a vida me alcançar
Tudo isso vai passar
Eu esqueço onde estou
Sem ter medo, sem pensar
Deixo o vento me levar (deixo o vento me levar)
As horas sem dormir
Os dias que parecem
Que nunca vão acabar
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Eu me vejo no espelho e olho por olhar
E volto a respirar
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Eu levanto e vou
Quando a vida me alcançar
Tudo isso vai passar (tudo isso vai passar)
Eu esqueço onde estou
Sem ter medo, sem pensar
Deixo o vento me levar
Escolhas, tantas coisas pra fazer
Vontades, o que se chama de viver
Desejos que sempre vão mudar
Caminhos, pronto pra recomeçar
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Espero que hoje seja melhor do que ontem
Espero que hoje